Catolicismo de maneira inclusiva

Tag: tristeza

29 de setembro – Monsenhor André Sampaio

“As vezes somos acometidos por um sentimento de tristeza e vazio na alma. Tentamos encontrar uma razão específica para tais sentimentos e nada justifica, pois nos lembramos que já vivemos momentos mais difíceis. E não existe problema sem solução. A questão é que quando nos afastamos de Deus e da prática do amor, e da caridade, nosso espírito se ressente, pois ele sabe das reais razões de estarmos aqui. Crescer, amar a Deus e ao próximo, praticar atos de caridade, de tolerância e de respeito, esses são os remédios para o vazio e a tristeza. Sem Deus somos um vaso vazio!”

Monsenhor André Sampaio

16 de maio – Monsenhor André Sampaio

“Há muitas pessoas que procuram ajuda em Igrejas, templos religiosos, nos consultórios médicos, alegando que sentem tristeza e um vazio profundo na alma. Sentem-se tristes e infelizes, embora tenham uma vida financeira boa, gozem de boa saúde física, vivam relativamente bem com os outros. Dizem que o vazio as leva ao desespero a tal ponto de pensarem em não ver sentido na vida e a passarem a ter a ideia de que a morte é o único alívio para elas. Essas pessoas não descobriram ainda, que estamos aqui para aprendermos a cultivar o amor, a solidariedade e a fraternidade. A forma que temos de colocar os bons pensamentos, os bons sentimentos e principalmente o amor em ação é a caridade. ‘Porque, assim como o corpo sem espírito é morto, assim também a fé sem obras é morta’ (Tg 2,26). Esse vazio existencial é a falta de amor ao próximo, o amor do qual Jesus tanto falou e exemplificou.”

Monsenhor André Sampaio

Imagem: Freepik.

© 2024 Katholikos

Por Mauro Nascimento