Catolicismo de maneira inclusiva

Tag: lutar

29 de agosto – Monsenhor André Sampaio

“Um dia você vai ver que não valeu a pena tanta correria, para ganhar dinheiro e não usufruir. Vai ver que o tempo passou e o cansaço tomou conta de seu corpo. Vai ver que, mesmo rodeado de muita gente, você se sente só. Um dia você vai se recolher ao seu quarto, e ter vontade de abraçar o travesseiro, porque não sobrou ninguém para abraçar. Vai ver que, entrando numa roda viva, você não é mais dono do tempo que dizem que é seu, e que não pode cedê-lo a qualquer um. Vai ver que o carro já está se tornando um problema, e não um conforto. O telefone é chato, a gravata incomoda… Por mais que tente se livrar de tudo, é um escravo, e ainda assim invejado por muitos. Vai ver que não valeu a pena os anos sem férias, sem descanso. Vai ver que não tem mais ilusões, e a esperança anda com vontade de dormir. Um dia você vai ver que passou pela vida sem viver. Frequentou o mundo sem saber porquê. Rodou, rodou, e não saiu do lugar. Pensou que foi, mas ficou. Teve tudo e não sentiu nada. Um dia você verá que o tempo escoa tão rápido, como a areia fina pelos seus dedos. Vai ver que resta parar e gritar de cima de um edifício: ‘Chega!!!’. Vai ver que é hora de sorrir, de amar, de ser da família, de misturar-se com as crianças e dar a mão ao próximo. Antes que seja tarde demais…”

Monsenhor André Sampaio

02 de agosto – Monsenhor André Sampaio

“Nem a tristeza, nem a desilusão, nem a incerteza, nem a solidão…

Nada me impedirá de sorrir…

Nem o medo, nem a depressão, por mais que sofra meu coração…

Nada me impedirá de sonhar…

Nem o desespero nem a descrença, muito menos o ódio ou alguma ofensa…

Nada me impedirá de viver…

Mesmo errando e aprendendo,

Tudo me será favorável…

Para que eu possa sempre amar, preservar, servir,

cantar, agradecer, perdoar, recomeçar…

Quero viver o dia de hoje,

como se fosse o primeiro, como se fosse o último,

como se fosse o único…

Quero viver o momento de agora, como se ainda fosse cedo, como se nunca fosse tarde…

Quero manter o otimismo, conservar o equilíbrio e fortalecer a minha esperança…

Quero recompor minhas energias para prosperar na minha missão, e viver alegremente todos os dias…

Quero caminhar na certeza de chegar…

Quero lutar na certeza de vencer…

Quero buscar na certeza de alcançar, quero saber esperar para poder realizar os ideais do meu ser…

Enfim, quero dar o máximo de mim, para viver intensamente e maravilhosamente,

TODOS OS DIAS DA MINHA VIDA!”

Monsenhor André Sampaio

© 2023 Katholikos

Por Mauro Nascimento