Catolicismo de maneira inclusiva

Tag: Deus conosco

29 de julho – Monsenhor André Sampaio

“Nunca se consegue compreender totalmente o outro, assim como dificilmente nos compreendemos a nós mesmos. Ora, para compreender é preciso conhecer profundamente. Se nem nos conhecemos, porquê esta pretensão de compreender e ou conhecer o outro? Compreender é ficar esclarecido, entendido sobre algo ou alguém. Uma espécie de julgamento, aonde é difícil colocar-nos no lugar do outro, viver toda a sua vida, sentir o que este sente, pensar o que este pensa. Aceitar os outros tal como são, independentemente se os compreendemos ou não, se são da mesma cor ou não… do mesmo nível cultural, educacional, econômico, etc. é um desafio ao qual somos convidados a cada dia! Aceitar o outro, com respeito, sensibilidade, desprendimento é a solução para tantos conflitos e problemas! Afinal, a grande riqueza da criação de Deus é a diversidade!”

Monsenhor André Sampaio

26 de junho – Monsenhor André Sampaio

NÓS APRENDEMOS MUITO MAIS EM NOSSA CAMINHADA, DO QUE EM SUA CHEGADA

“O sucesso nasce do querer, da determinação e persistência em se chegar a um objetivo. Mesmo não atingindo o alvo, quem busca e vence obstáculos, no mínimo fará coisas admiráveis, pois além da importância de se alcançar o objetivo, também é extremamente importante valorizar o caminho percorrido. É através do percurso percorrido e dos aprendizados que garantimos o sucesso. O sucesso não está somente no objetivo final, mas principalmente em nossa coragem, determinação e persistência para alcançá-lo. Ao se permitir trilhar essa jornada, você já está em contato com Deus, portanto só plantará e colherá bons frutos. Nós aprendemos muito mais em nossa caminhada, do que em sua chegada, não se esqueça disso.”

Monsenhor André Sampaio

22 de maio – Monsenhor André Sampaio

“Tomemos muito cuidado com aquilo que fazemos em relação ao próximo. Cuidado com as atitudes e os sentimentos que alimentamos em relação ao outro. Por mais que alguém nos faça passar por dor e sofrimento, devemos evitar o revide bem como não guardar sentimentos como raiva, ciúme, mágoa, ressentimento e outros tão ou mais negativos. Não nos esqueçamos de que Deus está atento a tudo e suas leis são infalíveis. Ao praticar o mal, seja por pensamento ou ação, abarrotamo-nos de energias pesadas e deletérias que acabam por prejudicar mais a nós do que ao outro. Não queira fazer justiça. Só Deus tem esse poder de ser justo, assim como suas leis. Tenhamos a certeza de que sua justiça se cumprirá sempre. E quanto àquele que foi nosso algoz, apenas oremos por ele para que cresça, amadureça e perceba que a única coisa que nos faz realmente felizes é fazer o bem ao outro. E mais: tudo o que mandamos para alguém fatalmente retornará para nós, de bom e de ruim.”

Monsenhor André Sampaio

19/04/2023 – Monsenhor André Sampaio

“Os obstáculos surgem em nossas vidas para reavivar nossa fé em Deus, que não nos abandona jamais. Que testa sim nossa capacidade de luta e empenho. É um desafio que deve ser vencido, sem merecimento, sem que o desânimo amanheça conosco, mesmo quando nossos esforços forem vistos com indiferença, existirá sempre uma força divina, que nos livrará das aflições, tornando-nos muito mais fortes. Pra tanto basta percebemos que quando o Sol nasce dá um espetáculo muito especial, enquanto nós continuamos adormecidos e nunca por isso ele deixou de nascer. É tempo de acreditarmos que nunca se está só em nenhum momento, Deus está conosco!”

Monsenhor André Sampaio

© 2024 Katholikos

Por Mauro Nascimento