Catolicismo de maneira inclusiva

Tag: situações

18 de outubro – Monsenhor André Sampaio

“Viver implica experimentar situações boas e más. A vida que temos depende daquilo que valorizamos. Se dermos demasiada importância aos acontecimentos e fatos negativos, certamente teremos uma existência amargurada, angustiada, rancorosa e sofrida. Por outro lado, se valorizarmos cada momento, cada acontecimento de nossa vida, seja ele bom ou mau, vendo em tudo lições para o nosso crescimento e santificação, o fardo se tornará leve. O que nos falta em muitas ocasiões é a fé, a esperança e a confiança de que não existe o acaso, e que em tudo há um propósito Divino. Portanto, façamos o melhor que pudermos pelos outros e por nós mesmos, e, busquemos ver o lado positivo de tudo. Lembremo-nos de que cada um de nós passará somente pelas lições necessárias ao aprendizado que necessita. Viver cada situação e cada momento com confiança e serenidade de que tudo passará. Só o bem permanecerá pela eternidade! Pois Deus é amor!”

Monsenhor André Sampaio

30 de agosto – Monsenhor André Sampaio

“Há situações na vida que dependem da nossa vontade para que se resolvam. Porém, há outras em que uma parte da solução cabe a nós, mas outra parte não nos cabe, ou seja, não depende da nossa vontade. Nesses momentos devemos confiar a Deus. Ele sempre nos ajuda, sendo certo que conta com a nossa atuação até certo ponto. Fazemos nossa parte e o restante Deus se encarrega de resolver. Por isso, não devemos nos desesperar diante de quaisquer situações, por mais tenebrosas que pareçam ser. Deus está sempre presente e o socorro virá de uma forma ou de outra. Quando você não tiver mais o que fazer, seja por você mesmo ou por outra pessoa, entregue a Deus e a ajuda virá, pode ter certeza!”

Monsenhor André Sampaio

30 de abril – Monsenhor André Sampaio

“Ás vezes passamos por situações onde o medo toma conta de nós. Sentimo-nos fragilizados, vulneráveis e sozinhos. É como se estivéssemos em meio a uma floresta cercada de animais ferozes e perigosos, prontos a nos atacar. Dificuldades todos passam, de uma forma ou de outra. Lembremo-nos de que Deus nunca te dará um fardo no qual você não possa carregar. E o mais importante: Não pense que a Terra está como uma nau à deriva. Jesus está no leme dessa nau. Portanto, não há o que temer. Precisamos sim confiar, acreditar, ter a fé do tamanho do grão de mostarda, como Jesus nos disse há mais de dois milênios. Então, sigamos confiantes e com Jesus à nossa frente, nos guiando. Aquele que O seguir não terá medo, nem o que temer.”

Monsenhor André Sampaio

© 2023 Katholikos

Por Mauro Nascimento